sexta-feira, 1 de outubro de 2010

Ja não sei no que acreditar...

A realidade parece não ser a mesma  para todos a minha volta.... ou talvez a minha realidade seja mais real que aquilo que eu queria .....

Hoje se alguem me fazer sorrir acho que meresse um beijo....

Enquanto me tento situar no mundo a realidade de alguns parece ser cega ao ponto de não ter noçao daquilo que fazem daquilo que falam daquilo que é o mais perto da desilusão...

Reconhocer que se erra é um ponto de partida para a vida .... viver com a tristeza desses erros já é doloroso demais mas continuo ,  a bem pouco tempo ainda achava k alem de mulher sou humana, alem de forte sou fraca ao ponto de ja não saber o que pensar, no que acreditar e ao quanto a desilusão me ronda subitamente.... ja nao sei em que verdades acreditar em que mentiras não me entregar.

Sinto-me cansada muito cansada talvez esse cansaço nao me ajude a perceber talvez precise descansar dormir  ou talvez fosse melhor sair rir e divertir.... aqueles que tem sido tudo para mim espero nao magoar com o meu silencio espero nao desiludir pela minha fraquesa....  isto volta a passar.... talvez hoje mesmo volte a sorrir...quem sabe....

So quero que respeitem a minah dor por mais que eu sorria, que continuem do meu lado por mais melancolica que esteja.... que me deem desconto pois me encontro cansada.

Nao deixei de ser quem sou.... so estou a  tentar ultrapassar aquilo que perdi aquilo que errei aquilo que amei.... aquilo que jamais vou voltar a sentir na vida....

Deparo-me num carro sem gasolina, num cinto que tenho de apertar mais .... será cansaço, será que me esqueci da realidade ou será que a realidade e que me está afeactar a mim........


Decididamente preciso fujir daqui..........


Um comentário:

Janine Bettencourt disse...

Olá,
desculpa invadir assim o teu espaço. Tenho-te lido mas tenho tentado manter-me no meu lugar. Hoje só te vim dizer, se me permites, se fizer diferença, se quiseres aceitar o meu comentário: "Tudo passa"... maior realidade que essa não existe! Sei lá porque sinto necessidade de te dizer isto, talvez porque já estive nessa posição, cansada... e ninguém mo disse.
Vá, abre esse sorriso lindo como o dia!
Acredita que o único dia fácil foi o de ontem, porque já passou, esse não volta para te magoar.
Mais uma vez desculpa...
Beijo